Procon e Vigilância orientam expositores do ramo de alimentação

Com a intenção de instruir e orientar os expositores que comercializarão alimentos dentro do Parque de Exposições Marechal Castelo Branco, durante a Expoacre 2017, promovida entre os dias 22 e 30 de julho, a Diretoria de Proteção e Defesa do Consumidor do Acre (Procon/AC) e a Vigilância Sanitária realizaram na manhã desta quinta-feira, 20, uma reunião no auditório da Biblioteca Pública.

Foto: Angela Peres/Secom

O objetivo do encontro foi orientar sobre boas práticas na relação de consumo no ramo de alimentação para garantir o cumprimento da legislação e evitar problemas para os consumidores ou a prática de crime de consumo.

Assim, o Procon/AC apresentou instruções com relação ao preço, que deve estar claro para o consumidor, sobre as taxas de serviços, couvert artístico e a obrigação do cardápio com a precificação dos produtos. “Vamos estar todos os dias no Parque de Exposições fazendo fiscalização dos estabelecimentos, acompanhado se eles estão cumprido o que passamos de orientação hoje”, esclareceu a chefe da Divisão de Fiscalização do Procon/AC, Francisca Britto.

Já a Vigilância Sanitária realizou uma capacitação com os expositores para que eles possam vender o alimento da forma mais segura possível para os consumidores. “A gente tenta levar a saúde pública para dentro da Expoacre, com as fiscalizações rotineiras, verificando se a manipulação do alimento está sendo feita da forma correta”, afirmou a diretora do Departamento de Vigilância Sanitária, Mayara  Ferreira.

A nutricionista do Restaurante e Pizzaria Maria Farinha, Sandra Melissa, destacou a importância da reunião para os expositores do ramo de alimentação da feira. “Acredito que todas as preparações que são realizadas dentro da cada unidade que vai está lá expondo são preparações que realmente precisam desse cuidado que a Vigilância vai exigir”, afirmou.