Tião Viana quer que FNO seja operado por bancos cooperativos

O governador Tião Viana esteve em Brasília durante toda esta quarta-feira, 26, em reuniões no Ministério da Fazenda e o Ministério da Integração para tratar da articulação de que bancos de cooperativas possam trabalhar com operações de crédito a partir do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO).

O FNO tem o objetivo de contribuir para a promoção do desenvolvimento econômico e social da região, por meio de programas de financiamento aos setores produtivos privados. Os recursos do FNO são administrados pelo Banco da Amazônia, vinculado ao Ministério da Fazenda, responsável por fazer as aplicações por intermédio de programas já elaborados, anualmente, previstos pelo Plano Plurianual para a Amazônia (PPA), levando em consideração a realidade ambiental da região.

Atualmente, apenas o Banco da Amazônia tem trabalhado com operações de crédito pelo FNO. Agora, com a portaria publicada pelo Ministério da Integração, bancos de cooperativas poderão fazer essas operações também.

Assim, Tião Viana se prepara agora para consolidar essa possibilidade junto às instituições financeiras no Acre, articulando o processo entre o Banco da Amazônia e os bancos de cooperativas interessados, o que vai beneficiar principalmente produtores rurais e investidores do estado, diminuindo os processos burocráticos e agilizando processos de linhas de crédito.

“Essa experiência já está sendo realizada em alguns estados e isso vai ampliar a possibilidade de crédito no Acre. Em vez de voltarem milhões de reais para o superávit primário, esse dinheiro fica aplicado no desenvolvimento da Amazônia”, disse o governador.