Rio Branco é vítima da maior chuva da história na noite de terça-feira

A noite de terça-feira de Carnaval trouxe um verdadeiro dilúvio para Rio Branco. Choveu 77,4 milímetros em apenas 10 horas. A média histórica para o mês inteiro de fevereiro é de 280 milímetros. Foi o maior episódio de chuva seguida da história de Rio Branco causou alagamentos em vários bairros e ruas da capital. Os locais mais atingidos foram os bairros de Carandá. Da Paz e Recanto dos Buritis. Até então, maior enxurrada da história havia acontecido em 2016 e alagado o bairro Carandá. O Rio Acre subiu um metro e meio em 24 horas, passou de 10,82m para 12,32m às 6h da manhã desta quarta-feira. Na noite de hoje já mostrava sinais de baixa de dez centímetros.

Desde o começo da chuva, a prefeitura começou um processo emergencial de trabalho, coordenado pelo prefeito Marcus Alexandre, que esteve nas áreas mais atingidas, passou o dia de ontem ajudando as famílias atingidas, que eram levadas para a casa de parentes e tinham apoio da prefeitura para suspender ou transportar móveis e eletrodomésticos.

O governo do estado, por determinação do governador Tião Viana, por meio da Defesa Civil e Corpo de Bombeiros atuam desde ontem à noite para prestar socorro às famílias que tiveram suas casas tomadas pelas águas. Foram mais de 200 chamados.

Especialistas apontam que o voluma de água foi tão grande que não havia a menor condição de escoamento. Verdadeiros rios de água tomaram as ruas, em uma enxurrada destruidora. Desde ontem à noite o prefeito coordena as frentes de serviço em vários bairros ao lado de servidores, moradores voluntários. A comunidade dos locais atingidos se uniu para prestar socorro aos desabrigados que estão tendo todo o apoio da prefeitura. A secretaria municipal de Saúde está distribuindo kits de limpeza e desinfecção para quando as águas baixarem.

 

Mas a situação não está sob controle. A defesa Civil prevê mais chuva forte para os próximos dias.

O desfile dos blocos de Carnaval, arcado para terça-feira foi suspenso por causa da chuva e remarcado para a noite do próximo sábado. Equipes do governo e da prefeitura estão trabalhando sem tréguas para minorar os efeitos da chuva forte.