Governo inaugura nova unidade de atendimento da Defensoria Pública em Rio Branco

Com o dever de prestar assistência jurídica integral e gratuita à população que mais precisa, a Defensoria Pública do Estado do Acre (DPE/AC) inaugurou na tarde desta segunda-feira, 12, sua nova sede em Rio Branco. A unidade de atendimento agora é localizada na Avenida Antônio da Rocha Viana, próximo ao Horto Florestal.

Com 16 anos de atuação no estado, a Defensoria Pública abre as portas de um novo espaço com 3.500 metros quadrados (Foto: Sérgio Vale/Secom)

Com 16 anos de atuação no estado e mais de 77 mil atendimentos só no ano passado, a Defensoria Pública abre as portas de um novo espaço com 3.500 metros quadrados, sistema eletrônico de senhas, implantação de núcleos, brinquedoteca e espaços individuais para atendimento e trabalho dos defensores.

O governador Tião Viana esteve presente na inauguração e ressaltou: “A Defensoria do Acre está de parabéns. A sensação que dá é que hoje está se consolidando a dimensão estadual plena desse trabalho, que é a advocacia dos pobres. Consolidamos também a contratação de nove novos defensores para o interior e agora uma sede com todo o acesso para a população”.

A inauguração das novas instalações da Defensoria é o marco da atual gestão baseada no compromisso com o cidadão e na garantia dos direitos dos vulneráveis e promoção dos direitos humanos.

A defensora pública-geral, Roberta Caminha Melo, destaca o importante momento de fortalecimento desse trabalho.

“Essas novas instalações propiciam uma maior qualidade no nosso atendimento”, conta a defensora pública-geral, Roberta Caminha Melo (Foto: Sérgio Vale/Secom)

“Essas novas instalações propiciam uma maior qualidade no nosso atendimento, com uma nova sistemática de atendimento e diminuição das filas. Tudo isso foi com o objetivo de avançar no atendimento de nossa instituição, tão importante para a firmação do Estado democrático de direito”, conta Caminha.

Durante a solenidade, foram lembrados os deputados federais que destinaram emendas para o trabalho da Defensoria, como Sibá Machado, que aplicou recursos para a unidade de Tarauacá, Raimundo Angelim, que repassou R$ 400 mil para o atendimento à população idosa e Leo de Brito, que destinou R$ 500 mil para a unidade de Xapuri.

“O povo do Acre se encontra na Defensoria pra acessar a Justiça e o que eu posso fazer como deputado federal é apoiar essas iniciativas, como fizemos com o núcleo da Baixada e que queremos fazer agora pro Segundo Distrito com o prefeito Marcus Alexandre”, reforça Leo de Brito.