6 mil ainda não sacaram o Abono no Acre

No dia 29 de julho encerra o prazo para saques do Abono Salarial ano-base 2016. No Acre, 6.885 trabalhadores ainda não sacaram seus benefícios, que somam um total de R$ 5,2 milhões, de acordo com dados divulgados, na última sexta-feira, 13, pelo Ministério do Trabalho.

Foto: Diário do Pará/Arquivo

O abono começou a ser pago em 27 de julho de 2017 e os depósitos ocorreram até o dia 13 de março deste ano. No estado, 58.749 trabalhadores já fizeram o resgate dos recursos, que somam R$ 45.189.414,00. A quantidade de benefícios sacados representa 89,51% do total.

Ao fim do prazo, os valores não sacados retornam ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) para pagamento do Abono Salarial do próximo ano e do Seguro-Desemprego. Os recursos liberados estão disponíveis nas agências bancarias, trabalhadores da iniciativa privada recebem na Caixa, e servidores públicos, no Banco do Brasil.

Tem direito ao benefício quem trabalhou formalmente por pelo menos um mês em 2016 com remuneração média de até dois salários mínimos. Além disso, o trabalhador tinha de estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

O valor de cada benefício depende do período trabalhado no ano-base, mas varia de R$ 80 a R$ 954. Quem trabalhou formalmente durante todo o ano com salário médio de até dois salários mínimos recebe o valor cheio. Quem trabalhou um mês, por exemplo, com esses mesmos pré-requisitos, recebe 1/12 do valor, e assim sucessivamente.

Estado Total de benefícios Abonos pagos Taxa de cobertura Valor Pago Abonos não pagos Valores disponíveis para saque
Acre 65.634 58.749 89,51% 45.189.414,00 6.885

5.295.904,87

 

Natan Peres