Taxa de homicídios reduz quase 20% no Acre em abril

Segundo dados divulgados nesta terça-feira, 1, pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), houve redução de quase 20% dos casos de homicídios no Acre. Em abril de 2017, ocorreram 37 mortes. Já em abril deste ano, foram 31 registros.

Quando comparado o primeiro quadrimestre deste ano com janeiro, fevereiro, março e abril de 2017, também há redução de cerca de 20%.

Na capital, o dado é ainda mais expressivo: 34 vidas poupadas, totalizando 30,3% de redução nos casos de homicídios.

“As forças de segurança trabalham de maneira integrada e nós temos focado essas ações para além da capital do estado. Interiorizamos os núcleos de combate ao crime organizado e as polícias têm realizado ações diuturnamente. Vamos seguir, sem dar trégua, para reduzir mais ainda os indicadores de violência”, destacou o secretário de Segurança Pública, Vanderlei Thomas.

Integração das forças

Constantes ações das polícias Civil e Militar têm refletido na redução dos homicídios (Foto: Secom)

Nos últimos meses, a mudança na dinâmica de policiamento ostensivo e as constantes operações coordenadas pela Segurança Pública, aliadas ao esforço de militares e civis, foram os principais fatores que possibilitaram essa redução.

Nos primeiros 90 dias do ano, as polícias Civil (PCAC) e Militar do Acre (PMAC) apreenderam 355 armas de fogo e mais de 100 quilos de entorpecentes. Os batalhões da PMAC realizaram 36.056 mil abordagens, e recuperou 238 veículos roubados ou furtados. Nos três meses de ação dos militares, 1.772 pessoas foram conduzidas às delegacias e 329 menores apreendidos.

Já a Polícia Civil deu cumprimento a 1.002 mandados de prisão e busca e apreensão, entre janeiro e março deste ano e em uma única operação, a Repatriar, apreendeu 48 veículos e bloqueou 43 contas bancárias, um golpe de mais de R$ 2 milhões ao crime organizado.