Menos cargos comissionados na RBTRANS

A partir de janeiro de 2019 a RBtrans terá uma redução de 15% dos cargos comissionados e dará uma economia aos cofres do município da ordem de R$ 439.00,00 por ano. O número de cargos comissionados que será reduzido é pequeno serão apenas 9, mesmo assim a autarquia ainda vai manter nos quadros 51 comissionados.

Reprodução

Os vereadores da capital devem votar o projeto de lei na próxima semana, pois foi protocolada no regime de urgência, urgentíssima.

A RBtrans agora terá um teto com gasto de pessoal que não pode ultrapassar os R$ 187.000,00 por mês.

Ainda no pacote de mudanças a Fundação Garibaldi Brasil vai receber todos os programas da secretaria de esportes, que, com a reforma será extinta. Toda a estrutura administrativa da FGB será modificada. A secretaria de esportes vira uma diretoria dentro da Fundação.

Na prefeita Socorro Neri, limitou para 30 o número de comissionados que poderão ser contratados pela FGB, com o limite de gastos para os salários e funções gratificadas em R$ 187.500,00.

O diretor presidente da FGB, Sérgio Carvalho, explicou ainda que os salários dos cargos comissionados vão variar de R$ 3.100,00 a R$ 5.500,00. “Vai ser difícil trabalhar com o pessoal reduzido e com mais serviços, mas essa adequação se faz necessária pela situação por que passa o país e o nosso estado”, disse.