ÚLTIMAS NOTÍCIAS >>

PM apreender menores envolvidos com facções na fronteira

Uma denúncia de uma ameaça contra uma mulher da etnia Jaminawa, que mora no bairro Leonardo Barbosa, levou homens do 10º Batalhão da Polícia Militar do Alto Acre, descobrir que o caso seria bem mais do que se pensava.

Três jovens, dois quais dois são menores, teriam furtado uma espingarda calibre 16 e teria ameaçado a mulher. Com a denuncia em mãos, os policiais se deslocara até a casa e foi quando o maior conseguiu fugir tomando rumo ignorado. O mesmo está sendo procurado.

Após o cerco, descobriram que além da arma dentro da casa, a mesma estava sendo usado como ponto de venda de drogas. Havia encima de uma mesa, vários papelotes cortados com a substância análoga à cloridrato de cocaína, além de dinheiro, proveniente do comércio ilegal.

Também foi encontrado celulares, que era usado para o articular crimes na cidade de Brasiléia. Entre eles, foi descoberto o paradeiro de produtos furtados, que foram localizados e apreendidos.

Todo os produtos apreendidos, a arma e os dois menores, foram conduzidos à delegacia de Brasiléia, onde ficariam à disposição do juizado local. O caso ainda está em aberto e poderá ter mais novidades nas próximas horas.