Coluna Bom Dia

Sabático

O ex-governador Tião Viana d disse é um Jornalista local que pretende tirar um ano sem falar em política. Seria como um ano sabático, em que ele pretende se dedicar à família e as suas atividades como professor é médico, assim que acabar a licença prêmio que está exercendo e a que tem direito.

Silêncio

O ex-governador deve permanecer em silêncio, mas não estará ausente ou permitirá ser afrontado. Terá defensores nas redes sociais, como tem acontecido até agora. O principal deles deve continuar sendo seu ex-porta voz, Leonildo Rosas.

Confusão

Na verdade, o governador Tião Viana quer ficar longe da confusão que assola o PT. Ninguém se entende no partido, que está à deriva, no Acre e no Brasil. As fissuras chegam a ser incontroláveis

Barco

A cada dia, um grupo diferente de petistas protesta ou abandona o barco do partido. As várias Alas, que se mantinham unidas pela perspectiva do Poder, estão se desintegrando e devem buscar caminhos próprios. Alguns analistas consideram que o PT chega inteiramente rachado para as eleições do próximo ano.

Direção

O governador Gladson Cameli se reuniu ontem com a direção e os principais líderes de seu partido, o PP. A reunião foi comandada pelo presidente regional Lívio Veras, com a presença dos deputados José Bestene e Gehrlen Diniz

Interlocução

O partido busca uma interlocução melhor com o governador e com a estrutura de governo. Quer dar sustentação, mas também participar do núcleo de decisão. Foi uma conversa política.

Comissões

Na Assembleia, o debate é grande em torno da composição das comissões. O deputado Roberto Duarte, com suas exigências e seu estilo de atropelar os entendimentos, deve ficar fora do comando de qualquer uma delas. Não será tratado nem como situação, nem  como oposição.

Nomeações

O governador voltou a suspender todas as nomeações para cargos. Vai aprofundar A análise da situação do Estado e também vai esperar a reunião dos governadores em Brasília, entre os dias 19 e 20 de Fevereiro.

Multas

O governador Gladson Cameli mandou cancelar todas as multas de radares eletrônicos no estado e determinou que o Detran não utilize mais os equipamentos. Houve euforia por parte dos motoristas, mas a situação não é bem assim. Como a resolução dos radares é do Contran, alguém vai assumir o processo.

Custo

O governador ponderou que os custos políticos e efetivos para a cobrança das multas não superavam o aborrecimento causado por elas que, além disso, acabam por gerar um custo superior ao que poderia ser arrecadado.

Quem luta

Com a determinação do governador, é possível que os radares sejam entregues para as prefeituras. Nesse caso, a Prefeitura da capital assumiria integralmente o controle do trânsito na cidade, como é que sua obrigação.

Assim

É assim que funciona na maioria dos Estados. O controle do trânsito é da alçada da prefeitura, não do estado. Ou seja, a prefeita ficará com o ônus político e operacional das multas.

Posse

Diante do quadro de agravamento da crise econômica, a posse do novo superintendente do SEBRAE, Marcus Lameira foi o mais simples possível.

Simples

O presidente do conselho deliberativo do SEBRAE, José Adriano, explicou que não é o momento de festa. O Sebrae teve um corte de 6% em seus recursos e vai precisar do apoio da FIEAC para suas atividades.

Apoio

A FIEAC aqui está disposta a auxiliar o SEBRAE, inclusiva na área administrativa e de serviços, aproveitando que suas sedes ficam muito próximas. Para diminuir as despesas, a sede antiga do SEBRAE, próximo da Sborba. deve ser alugada.

Interesse

Vários órgãos estão interessados em alugar a sede antiga, inclusive do governo estadual. Pode ser uma forma de facilitar os ajustes necessários no Sebrae .

Em Cruzeiro

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Nicolau Junior viajou ontem para Cruzeiro do Sul para verificar a extensão dos problemas da cheia do Rio Juruá. Vai articular uma ajuda aos desabrigados.

Facções

A disputa entre facções deve se tornar ainda mais acirrada com a prisão de um alto líder do Comando Vermelho, em Santa Catarina. Em todo o Brasil, a ordem seria de ações imediatas em retaliação. O Acre que se cuide.

Pacote

No pacote medidas de segurança do ministro Moro, está prevista a liberação de recursos para a construção de presídios  e ampliações de vagas no sistema prisional. Isso interessa muito ao Acre.

Exemplo

A exemplo da capital, cidades do interior também estão cancelando os investimentos no carnaval. Espera-se que seja por falta de dinheiro e não por princípios religiosos. Afinal, o estado é laico.

Números

Nos números divulgados pelo Governador Gladson sobre as despesas e receitas do estado, alguns dados são interessantes. Por exemplo, o estado prevê gastar com pessoal, R$ 2,8 bilhões este ano. Vai também reservar, força de lei, R$ 100 milhões para pagamento de precatórios.

Juros

Só de juros o governador vai gastar R$ 483 milhões, além de repassar estimados R$324 milhões para os municípios

Despesas

A despesa total está prevista em R$ 5,1 bilhões, a receita tem pouco mais R$ 5 bilhões Só aí há um pombo de cerca de R$ 100 milhões. Mas a receita total real deve ficar em torno de R$ 4, 5 bilhões. Aí está explicado o rombo projetado de mais de R$ 500 milhões. A crise é grave.

Alércio

O governo de Gladson Cameli vai ter seu primeiro teste formal na Assembleia Legislativa na próxima semana, com a análise pelos deputados do nome do fazendeiro e ex-deputado Alércio Dias para ocupar a presidência do AcrePrevidência.

Empenho

É pouco provável que nome de Alércio Dias não seja aprovado, mas a forma como for aprovado fará toda a diferença, pois irá servir como termômetro para saber a quantas anda a bancada de apoio ao governo.

Munição

Consta que os deputados da oposição estão preparando munição para a sabatina de Alércio Dias, sem deixar de citar seus tempos como secretário de Educação, além de outros cargos públicos que exerceu. Vamos aguardar.

Cuidado

Mas é importante lembrar que Alércio é um político experiente, passado na casca do alho, foi deputado estadual, federal, secretário, sabe se comunicar, é articulado e sabe muito da política acreana. Não será fácil ataca-lo e nem ele ficará alado.

Água

Enquanto o rio Acre parou de subir nas cabeceiras, em Rio Branco ultrapassou a cota de transbordamento e já deixou algumas famílias desabrigadas.

Risco

A situação também está delicada em Sena Madureira, onde o rio Iaco já ameaça a cota de transbordamento. A Defesa Civil segue atenta, mas se não parar de chover não há muito a fazer.

Multas

A decisão do governador Gladson Cameli de proibir multas no trânsito tem seu lado bom para o cidadão que foge do pagamento, mas quebra as esperanças de arrecadação do Detran.

Excesso

Não há dúvidas de que essas cobranças, às vezes excessivas, irritam o cidadão, mas não custa lembrar que nem todos os casos são de multas do Estado.

Prefeitura

Aliás, boa parte das multas na capital atualmente são da RBTRANS é pouco provável que a prefeitura esteja disposta a abrir mão dessa importante fatia da arrecadação de recursos. Aora vai herdar odo o trabalho.

Ganhou

Prevaleceu a força da indicação de Ney Amorim para um cargo no governo e desde ontem o ex-deputado é secretário extraordinário de Cameli. Vai trabalhar na articulação política onde o nomeado oficial é Vagner Sales que pouco manda no território.

Mais um

O ex-deputado Nelson Sales do PP de Cameli também já garantiu seu espaço no novo governo na condição de secretário especial. Logo ele que sempre criticou seus ocupantes. Nada como um dia atrás do outro.