Coluna Bom Dia

Volta

O governador Gladson Cameli está de volta hoje, ainda se recuperando dos sintomas de um início de pneumonia que não o impediu de manter corrida agenda em Brasília, com reuniões em busca de recursos e benefícios para o Acre.

TCU

Ontem junto com os governadores do Piauí, Amapá e Pará, Gladson esteve com o ministro Haroldo Cedraz do Tribunal de Contas da União debatendo o repasse de recursos de compensação e incentivo de exportações e da lei Kandir, que o Tribunal bloqueou para os Estados.

Liberação

Desde o ano passado o TCU barrou esses repasses, causando um prejuízo de mais de R$ 400 milhões represados para todos os estados. Gladson Cameli está na linha de frente para conseguir essa liberação.

Conversas

Em sua chegada ao Acre, uma série de conversas deve acontecer promovidas pelo governador, para delimitar espaços e ações no governo. O governador está tranquilo sobre as decisões que já tomou e que deverá tomar.

Adiado

Foi adiada a audiência de julgamento dos 16 réus acusados de improbidade administrativa em Brasileia, como desdobramento da operação Labor, ocorrida em 13 de setembro de 2017.

Políticos

Entre os acusados está o ex-prefeito Aldemir Lopes, um dos caciques Regionais do MDB e outras pessoas ligadas ao partido na cidade. A audiência foi adiada por ausência de algumas testemunhas.

Complexo

O juiz Clóvis Lodi admitiu que o processo é complexo, com mais de 50 testemunhas, mas deve ter uma solução ainda este ano. Nova audiência foi marcada para o mês de julho

Julgamento

E hoje no tribunal de justiça, em Rio Branco, acontece o novo julgamento do vereador Juruna, acusado de dar e receber vantagens ilícitas. No primeiro julgamento, ele foi condenado a mais de nove anos de prisão, em regime fechado, mas conseguiu a anulação da sentença, que será novamente apreciada hoje pelos desembargadores da Câmara Criminal.

Sumiu

Pessoas ligadas ao MDB de Brasiléia estão preocupadas com o sumiço dirigente partidário advogado Valadares, que não dá notícias para o partido, encerrou o programa de rádio que mantinha, fechou suas  redes sociais e está sumido,. Não se sabe por quê

Epitaciolândia

A campanha política do próximo ano em Epitaciolândia deve ser animada, Várias candidaturas já estão postas e buscando seu espaço. O certo é que haverá muita concorrência.

Domicílio

A ex-deputada Leila Galvão já alugou casa no município para acertar o seu domicílio eleitoral e deve mesmo sair candidata pelo PT. Pode ter como vice na chapa o ex-prefeito Zé Ronaldo.

Candidato

Deve enfrentar a família Assem, que pode lançar o ex-deputado o maninho Luizinho Assem hoje nomeado como diretor da rádio local. Ele espera contar com o apoio do governo de Gladson Cameli.

Mais candidatos

Ainda devem sair candidatos Chiquinho Chaves, ligado ao Senador Petecão e o empresário Everton, que ainda não teria se decidido por qual partido deve concorrer. A eleição tem tudo para ser muito interessante.

Processo

Em Porto Acre, a Câmara Municipal inicia processo para cassação do prefeito Bené Damasceno. É mais um dirigente Municipal enrolado no estado. Parece característica dessa safra de prefeitos, ter problemas graves na política e no relacionamento com os vereadores. As denúncias pipocam por todo o estado.

Experiente

Nem o experiente Bené Damasceno escapou desses problemas. Depois de transitar da direita para esquerda e vice-versa, o prefeito agora se encontra encurralado.

PC do B

O PC do B está mostrando força. Reuniu na capital representantes de 2º dos 22 municípios acreanos em uma plenária com cerca de 800 pessoas e 170 Delegados. Tudo para definir os rumos do partido nos próximos anos.

Reforçado

Depois de ser preterido pelo PT nas últimas eleições, tratado como um primo pobre é praticamente abandonado, sem nenhuma candidatura majoritária, o PC do B está dando a volta por cima. Com um deputado federal e dois estaduais, o partido assume uma posição de ponta na oposição acreana.

Público

A prefeita Socorro Neri quero recuperar o fôlego em sua gestão. Ela se prepara para jogar mais de R$ 50 milhões no asfaltamento e recapeamento de toda a cidade. Quer fazer um trabalho exemplar nesse verão, para ser exemplo para a campanha do próximo ano

Animação

O clima dentro da prefeitura é de muita animação com a chamada operação verão. A prefeita espera colocar toda a máquina na rua e resolver os problemas dos buracos da cidade, que tanto incomodam a sua gestão.

Fios

Uma solução para o constante roubo de fios e cabos elétricos na iluminação pública da cidade pode estar na mudança do modelo energético. Especialistas estão recomendando a chamada energia fotovoltaica, que a médio e longo prazo significa economia, segurança, atende as necessidades da capital e praticamente impede a ação de ladrões e vândalos.

Tragédia

O Brasil está abalado com a tragédia de Suzano, absurda morte estudantes e servidores da educação assassinados pela insensatez de uma dupla de rapazes suicidas. Não há palavras, ou explicações possíveis. Na verdade, somos todos responsáveis pelo tipo de sociedade que criamos e em que vivemos. A coluna expressa absoluta solidariedade às vítimas e parentes, perplexa e emocionada

Guerra

No Acre, parece ter se reacendido a guerra entre facções. Mortes por todos os lados, vinganças imediatas e verdadeiros exércitos de facções nas ruas. A verdade é que sai governo, entra governo e muda muito pouco a situação. A Guerra Urbana é uma realidade assustadora.

Intrigas

No meio dessa guerra, dessa matança, tudo o que o estado não precisa é dessa briguinha inconsequente entre setores da Polícia Militar e da Polícia Civil. É preciso lembrar que o compromisso maior é com o bem-estar e segurança da população. Isso será cobrado.

Segurança

O governo tem sempre que ter em mente que uma das principais causas de derrota da administração anterior foi a sensação de insegurança. Foi um assunto decisivo nas eleições e continua sendo a grande preocupação da cidade. Dar resposta a isso é muito mais importante do que qualquer outro assunto.

Bairros

Moradores dos bairros da capital querem impedir a entrada dos Servidores e dos carros da Energisa, se não for solucionada a questão do reajuste das contas de luz. O pior é que a população reclama e não é ouvida.

Problema

Este é um problema que não será resolvido com campanhas de relações públicas ou publicações na imprensa. Pode até mesmo piorar, pois a população sente quando está sendo levada no bico. Não foi  falta de aviso de que o processo de privatização seria prejudicial.

Chuvas

É ainda muito perigosa a situação da BR-364, entre Rio Branco e Porto Velho. As águas estão quase cobrindo o leito da rodovia, e o embarque nas bolsas está muito perigoso. Isso é um crime contra o Acre.

Educação

O secretário municipal de educação, Moisés Diniz, está sendo muito elogiado nos poucos meses à frente da secretaria municipal.

Ações

Até agora Moisés Diniz levou de volta para a sala de aula 183 professores e promoveu ações administrativas que representaram uma economia da ordem de R$ 5 milhões.

Kits

Junto com a prefeita Socorro Neri, a Educação Municipal de Rio Branco distribuiu 25 mil escolares para os alunos da Rede. Um feito e tanto