STF proíbe privatizações

O Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) fulminou na noite desta quinta (6) a possibilidade de privatização de empresas públicas sem a autorização do Congresso Nacional.

Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF

Entretanto, a Corte flexibilizou a venda de empresas principais.

Ou seja, para vender uma Petrobras –por exemplo– o legislativo deverá se pronunciar antes da privatização. O mesmo rigor não se exige dos braços da companhia.

Trabalhadores de empresas públicas consideraram uma vitória contra a selvageria neoliberal do governo Jair Bolsonaro (PSL). Informações Blog do Esmael.