ÚLTIMAS NOTÍCIAS >>

Oposição também será atingida pelo desgaste de Cunha

MATÉRIA 2 - Bancada do PSDB é a que mais perde na Câmara com denúncia contra Cunha

A oposição ao governo no Congresso também será atingida pelo desgaste sofrido nesta quinta-feira pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha, ao ter seu nome incluído em denúncia encaminhada ao Supremo Tribunal Federal (STF) por crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

Segundo o cientista político Renato Perissionotto, da Universidade Federal do Paraná, as acusações contra Eduardo Cunha também são uma notícia negativa para os políticos de oposição, como os tucanos, que têm se alinhado com Cunha nas críticas e nas votações contra o governo nas chamadas “pautas bombas”.

“Ele (Eduardo Cunha) agora faz parte de todo esse escândalo de corrupção que está sendo investigado, e qualquer tentativa de se aliar ao Cunha também passa a ter os custos desse problema”, assinalou o cientista, para quem o presidente da Câmara perdeu o poder de colocar em votação o pedido de impeachment da presidenta Dilma Rousseff.

Segundo a colunista Eliane Cantanhêde, a denúncia da PGR contra Eduardo Cunha, é bastante consistente, constitui um fato gravíssimo e coloca o PSDB, do senador Aécio Neves, numa saia justa, pois os tucanos têm uma relação dúbia.

“Numa relação errática com Cunha, os tucanos querem tirar proveito da agressividade dele contra o governo, mas sem se confundir com ele. Ora se aproximam de Cunha, para espicaçar melhor o governo; ora se afastam, para não se contaminarem com a má fama e os processos do deputado”.