ÚLTIMAS NOTÍCIAS >>

Acre e o potencial ecoturístico: belezas que encantam

O turismo ecológico é um dos ramos que mais se destacam no Brasil. No Acre, algumas opções de ecoturismo chamam atenção de visitantes curiosos, como é o caso do Seringal Cachoeira, Serra do Divisor e o Rio Croa. Nesta terça-feira, 1, é comemorado o Dia do Turismo Ecológico. Confira alguns dos destinos acreanos.

Seringal Cachoeira

cachoeira-580x385

Com opções de trilhas, arvorismo, hospedagem em chalé e contato muito próximo à natureza, a Serra do Divisor é uma das opções mais procuradas por pessoas interessadas neste tipo de lazer. Localizado em Xapuri, o espaço dispõe de três chalés, sendo um para casais e um familiar, belichário feminino e masculino, além de restaurante e piscina.

Para os aventureiros, dois tipos de arvorismo são dispobilizados: o acróbatico e o contemplativo. No primeiro, o visitante passa por caminhos que exigem equilíbrio e coordenação motora, com percurso repleto de obstáculos.

Já no contemplativo, o passeio é entre as árvores a 25 metros de altura, que serve de opção aos que preferem apreciar a vista privilegiada da floresta.

Serra do Divisor

serra-580x358

Outra opção de turismo ecológico é o Parque Nacional Serra do Divisor. A unidade de conservação é de proteção integral à natureza e, atualmente, é administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação e Biodiversidade (ICMBio).

Localizado na fronteira com o Peru, o parque é distribuído entre os municípios de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter e Rodrigues Alves. Para visitação, há agências de viagem que dispõem de pacotes.

De acordo com o administrador do parque, João Damasceno Filho, para passeio turístico, as cachoeiras são uma das opções. “O parque possui as cachoeiras do Formoso, do Ar-condicionado, do Amor, do Perdernal, do Buraco da Central e do Mirante. Todos os passeios devem ser feitos com guias”, explica.

Rio Croa

croa-580x333

Conhecido pelas águas escuras , o Rio Croa é considerado um dos maiores pontos de ecoturismo de Cruzeiro do Sul. A paisagem paradisíaca chama a atenção de milhares de turistas, já que o local perdeu a característica de rio há cerca de 15 anos, e hoje, mais parece um lago.

Com fauna e flora riquíssima, a vitória-régia é uma das características do Croa, sendo possível encontrar diversas por todo o rio. Além disso, ao longo dos quase três mil hectares, é fácil encontrar árvores centenárias, como a samaúma e as seringueiras.

A opção turística ainda gera renda aos empresários da cidade. Segundo Walderli de Melo, dono de um hotel em Cruzeiro do Sul, grande parte dos visitantes vão com o intuito de conhecer as belezes do rio. Para facilitar, o empresário criou pacotes turísticos com direito a translado, almoço e passeio de caiaque.

“Muita gente já vem preparado, com a pesquisa sobre a área, e preferem se aventurar sozinhos. Para os que não se planejaram, o pacote é uma opção que deu certo. Oferecemos um dia repleto de diversão durante o passeio no Croa”, destaca.

Potencial Ecoturístico

A secretária de Turismo e Lazer (Setul), Rachel Moreira, explica que o Acre, por ser um estado Amazônico, tem um grande potencial ecoturístico.

“Sempre colocamos que o Acre não é um lugar para se visitar, mas sim, um local para se vivenciar experiências com a floresta, com a religiosidade, com a cultura e com a vivência que esse povo possui, que é diferenciada da área urbana de uma cidade. A Amazônia tem toda uma beleza e riqueza especial, e o turista vive isso quando visita o estado ”, ressalta.