Coluna Bom Dia

Força

 

Chegaram ontem ao Acre, pelo menos 25 integrantes da Força Nacional de Segurança, com dois micro ônibus e todo o equipamento necessário para uma atuação rigorosa contra o crime organizado e o narcotráfico na região.

 

 

Operação

 

Este comando da Força Nacional integra um esquema maior chamado de Operação Fronteira Segura, que vai mobilizar tropas federais em nove estados brasileiros. A ideia é que isso marque mais a presença do Estado brasileiro na área de Fronteira.

 

 

Base

 

Aqui no Acre esta primeira equipe da Força Nacional deve ficar baseada em Epitaciolândia. Mas, a ação deve se estender por toda a fronteira Sul do Acre com Peru e Bolívia.

 

 

Ação

 

Não é, claro, a intervenção que a oposição tanto reclamava e sonhava para o Acre. Muito ao contrário. É o reconhecimento que que o Governo Federal precisa agir, fazer sua parte na Segurança, não só no Acre, mas em toda a região de fronteira. É isso que começa a ser feito e já não era sem tempo.

 

 

Grupo

 

O Governo do Estado também está intensificando a sua ação no combate ao cenário de violência que este ano, já foi responsável por 230 mortes no estado. Os esforços estão sendo redobrados e agora foi criado um grupo especial na Polícia Civil para trabalhar especificamente na investigação dos casos de homicídio

 

 

Equipe

 

Serão 10 delegados de Polícia Civil e 15 investigadores treinados, em Rio Branco, que cuidarão exclusivamente de casos de homicídios ligados à guerra das facções. Excelente medida e espera-se que seja multiplicado o número dos casos resolvidos e enviados à Justiça, que já são muito relevantes no Estado. O Acre é um dos locais onde a Justiça funciona para prender e manter presos os bandidos.

 

 

Presídio

 

Para ajudar a combater o crime, o Governo do Acre se prepara para inaugurar ainda no mês de agosto uma nova penitenciária em Cruzeiro do Sul, com a capacidade para 400 novos presos. A unidade conterá local de trabalho, ressocialização e escola

 

 

Reconhecimento

 

A Federação das Indústrias divulgou ontem uma importante nota de reconhecimento dos esforços do estado do Acre para a redução dos índices de mortalidade infantil. A nota registra que o Acre se encontra na contramão dá péssima política nacional do setor, que o Acre está fazendo a sua parte e reduz as mortes de crianças, enquanto elas crescem no resto do Brasil.

 

 

Programa

 

A nota da Fieac, assinada pela presidente em exercício, Adelaide de Fátima Oliveira, reconhece a qualidade dos programas executados no Estado, como a Rede Cegonha, a excelente estrutura existente na maternidade Bárbara Heliodora e em municípios como Cruzeiro do Sul, mas ressalta que o mais importante é a dedicação do governo e dos profissionais envolvidos para os resultados positivos. Uma nota simpática e que registra uma verdade que não pode ficar escondida.

 

 

Repúdio

 

O diretório do PT repudiou com rigor a suposta denúncia de que teria oferecido vantagens para a desistência da candidatura de Lira Xapuri ao Governo do Estado. A nota é dura e reflete a intenção do partido de não deixar nenhuma acusação sem resposta.

 

 

Diz a nota

 

Diz a nota que “a campanha nem começou, e a oposição, sem proposta, tenta criar factoides para atacar a Frente Popular e o candidato Marcus Alexandre”. A nota avisa o que qualifica de “desprovidos de caráter e de compromisso com a verdade” que a Frente Popular nunca construiu alianças se utilizando de acordos financeiros, “diferente do que atribui as relações entre aliados na oposição”.

 

 

Bateu

 

A nota diz que “não espera atitudes diferentes de quem pretende atingir os seus objetivos literalmente a qualquer preço”. Diz que o PT e a Frente Popular têm a consciência de que outros ataques virão. Mas “todos serão respondidos altura pelo critério da Verdade”. E disse que vai recorrer à Justiça, “onde os acusadores terão a oportunidade de apresentar provas do que dizem” A nota é assinada por André Kamai, presidente do PT no Acre.

 

 

Baixaria

 

Mal a campanha começou e já começam as baixarias. Não adianta simplesmente os candidatos majoritários e líderes falarem que querem manter o nível, se arraia-miúda em todos os partidos se aproveita para jogar farofa no ventilador. Atitudes e denúncias infundadas precisam ser controladas, seja pela oposição, seja pela situação. A campanha precisa ser feita em um nível aceitável de civilidade.

 

 

No Acre

 

Está marcada a presença do candidato a presidente pelo PSOL, Guilherme Boulos, no Acre, dia 23, para uma palestra no auditório da ADUFAC. Boulos tem se destacado por suas posições firmes e mostrado que não é um candidato folclórico. No programa de TV Roda Viva, da TV Cultura, botou os entrevistadores no chinelo por seu conhecimento da política e das engrenagens da economia nacional. É um nome novo que ainda vai ser muito comentado nos próximos anos.

 

 

Adiamento

 

O adiamento da visita do presidenciável Geraldo Alckmin, ao Acre rendeu bons frutos a ele ontem. Ele parece ter acertado o apoio dos partidos do chamado Centrão. Além do PSDB, o PP, DEM, PR e outros à sua candidatura.

 

 

Vice

 

Para isso, ele estaria disposto a indicar como vice, o empresário Mineiro Josué Alencar, filho do ex-vice-presidente da República José Alencar. Ele é do PR e sempre foi aliado de Lula, como o pai. Vá entender a política!

 

 

Nos bairros

 

A prefeita Socorro Neri visitou ontem os bairros da parte alta da cidade, na regional do Tancredo Neves foi verificar o andamento das obras que a prefeitura executa no local, inclusive a creche do conjunto Juarez Távora, que deve ser entregue nos próximos dias. A prefeita conversou muito com os moradores.

 

 

Creche

 

A creche do conjunto Juarez Távora, que vai abrigar também crianças da pré-escola, já recebeu as matrículas e está quase pronta para funcionar. A obra é de excelente qualidade.

 

 

Mais obras

 

Uma reunião acontecida há poucos dias entre a prefeita Socorro Neri, a direção da Sedens e de do Depasa acertou uma série de obras em parceria na infraestrutura da cidade. A prefeitura vai trabalhar com pavimentação, acompanhada de saneamento em várias ruas e bairros da cidade. Uma parceria importante entre a cidade de Rio Branco e o governo do estado.

 

 

Ligação

 

Essa ligação gerencial e administrativa entre a prefeitura e o Governo do Estado é muito útil para a cidade e certamente está sendo levada com muito carinho tanto pelo Governador Tião Viana como pela prefeita Socorro Neri.

 

 

Leilão

 

Está marcado para o dia 30 de agosto o leilão da Eletroacre. Como divulgado antes, para arrematar a companhia será necessário o pagamento de apenas cerca de R$ 50 mil. Mas quem arrematar a empresa terá a obrigação de investir, mediato, R$ 176 milhões para manter as atividades.

 

 

Gatos

 

Como já foi divulgado, não será cobrado do arrematante as despesas com os “gatos” existentes e descobertos na rede elétrica, que serão rateados, em seu valor, por todos os consumidores. Nesse caso, o consumidor paga o pato e o gato.

 

 

Outro bicho

 

Se está livre dos “gatos”, quem arrematar a Eletroacre fica, entretanto, com a obrigação de eliminar pelo menos as mucuras, que a empresa sempre responsabilizou pela falta de energia na capital e nos municípios do interior. No Acre, gato não espanta mucura

 

 

Ramais.

 

Em Cruzeiro do Sul, moradores da zona rural estão imprensando a prefeitura para a recuperação de pelo menos 900 km de ramais. O prefeito assinalou apenas com a possibilidade de um serviço superficial de raspagem, assim mesmo atingindo apenas cerca de 12 localidades, ou 80 quilômetros. A comunidade quer muito mais.

 

 

Neutralidade

 

No Juruá, onde se encontra em pré-campanha ao governo do Estado, o senador Gladson Cameli tem se esquivado de entrar na mais nova discussão de sua união de partidos: quem vai “puxar” a campanha na região.

 

 

Queda de braço

 

Com a entrada de Vagner Sales formalmente na campanha, Cameli acredita que eliminou seu maior problema no Alto Juruá: a falta de unidade. E, por isso mesmo, faz ouvido de mercador quando Vagner diz que ele é quem vai comandar a eleição por lá e não o prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro.

 

 

Família

 

E o melhor que Cameli faz é ficar longe da briga, uma vez que envolve, antes de aliados, familiares. Cameli é primo em segundo grau tanto de Vagner Sales quanto de Ilderlei Cordeiro. E nessa briga de família, apesar das desavenças, eles sempre terminam se entendendo. Será que dessa vez isso é ainda possível?

 

 

Fora

 

Por falar em família, o único ramo que realmente ficou de fora do apoio à candidatura de Gladson Cameli foi o seu primo e deputado federal César Messias. Os dois estão apartados há tempos e não há quem os faça reatar a parceria política.

 

 

Na área

 

Marcus Alexandre permanece até hoje à noite no Juruá. Amanhã estará em Rio Branco para a convenção que vai homologar seu nome como candidato ao governo do Estado pela Frente Popular. O candidato está muito animado com o futuro.

 

 

Será?

 

Dirigentes do PSDC ameaçavam esta semana ir à convenção da FPA fazer um protesto contra a forma que o partido vem sendo tratado na composição das chapas proporcionais. Difícil é saber se vão mesmo manter a ameaça.

 

 

Na rua

 

Com a homologação da candidatura não espere que os partidos da FPA fiquem parados. A campanha será colocada oficialmente na rua e aí a briga começa a ficar bonita, porque a Frente Popular é boa na mobilização.

 

 

Adesivo

 

Enquanto isso, a coordenação da campanha da oposição está massificando a distribuição de adesivos com o coração e o número 11 chamando para a convenção que vai homologar o nome de Gladson Cameli no próximo dia quatro de agosto como candidato ao governo.

 

 

Análise

 

O Tribunal Regional Eleitoral já está com toda a estrutura preparada para analisar os pedidos de candidaturas e julgar cada caso. Haverá uma verdadeira operação pente fino nas candidaturas por conta da lei da Ficha Limpa.

 

 

Julgamento

 

Vai ser interessante acompanhar os julgamentos dos processos que houver questionamento de candidaturas. Principalmente para saber como votarão os magistrados em relação, por exemplo, a candidaturas consideradas ficha suja pelo Tribunal de Contas do Estado.

 

 

Esclarecimento

 

A prefeitura da Capital divulgou nota de esclarecimento sobre uma denúncia de que estaria contratando a empresa de um alto servidor para a compra de lanches. Pois é, existem homônimos e é preciso ter cuidado com isso. A prefeitura está limpa