Acre começa a abrir a economia com COVID ainda sem controle


publicidade

O Acre já realizou mais de 26 mil testes de COVID 19, tem registrados até o dia 09 de julho, quinta-feira, 15.465 casos comprovados da doença, 8743 altas médicas e 411 óbitos. A taxa de letalidade da doença no estado é de 2,7%, ou seja, de cada 100 doentes, perto de três morrem com a doença. A taxa de prevalência é de 19.800 por milhão de habitantes, muito próxima de 20 mil casos por milhão de habitantes, uma das mais altas do país.

Alguns municípios que flexibilizaram regras, a maioria sem aval do pacto Acre sem Covid, liberando que não poderia funcionar, enfrentam ainda altas taxas de contágio.

Por exemplo em Cruzeiro do Sul, onde o prefeito liberou até cultos em templos e as academias, foram registrados 2.226 casos confirmados, com 39 mortes, em 5.398 testes realizados. É voz corrente no município que os casos estão subnotificados, por fata de testes na rede pública de saúde.

Capixaba, onde o prefeito chegou a liberar cultos religiosos e comércio, tem uma das maiores taxas de letalidade da doença no estado, de 3,6%, com 166 casos confirmados e seis óbitos.

A pressa em ceder às pressões de grupos econômicos e religiosos na abertura das atividades comerciais pode agravar a pandemia. Cidades que optaram por esse caminho tiveram que voltar atrás e tomar medidas drásticas. Em Belo Horizonte, por exemplo, a prefeitura estuda até o fechamento de supermercados e restaurantes delivery aos domingos. Curitiba e Porto Alegre tiveram que fechar novamente a economia depois do recrudescimento dos casos.

Rio Branco resiste a esse ímpeto de abertura indiscriminada das atividades, A capital registrou 282 mortes por causa da covid-19, com uma letalidade de 3,6%. Aproximadamente 7.765 casos foram confirmados com a realização de 17.172 exames, existindo 3.843 pacientes curados da doença. A prefeitura optou por realizar um inquérito próprio de prevalência do COVID nos bairros, promovendo testes rápidos em todas as regionais, para tomar posição com segurança sobre o futuro das medidas de isolamento. O levantamento ainda está acontecendo.