Bairro Jorge Kalume está há um mês sem água

Moradores do bairro Jorge Kalume estão há mais de 30 dias sem receber água do Depasa. Sem alternativa, as famílias estão usando água poluída do que sobrou de um açude que fica nos fundos do bairro. Foi improvisada uma mangueira, e, com uso de um motor, está sendo puxada a água que resta. Depois os moradores fazem a limpeza e tratamento, como podem do líquido que tem um forte odor.

No início da falta de água algumas famílias conseguiam comprar água, mas o preço se tornou proibitivo, coma continuidade do racionamento. São pelo menos R$ 50,00 a cada 3 dias. A outra alternativa é conseguir doação de baldes de vizinhos que possuem poços.

O bairro Jorge Kalume fica distante do centro da cidade, com acesso difícil e precário na estrada que liga o presídio Francisco de Oliveira Conde.

Em Nota o Depasa informou que vai até a região saber o que está acontecendo. Disse ainda que a água deveria estar chegando em dias intercalados no bairro, o que não acontece.