Brasil vai extraditar dono da TelexFree para ser processado nos Estados Unidos

Por unanimidade, a Segunda Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) atendeu a um pedido do governo dos Estados Unidos e autorizou a extradição do empresário americano Carlos Nataniel Wanzeler, um dos donos da TelexFree – empresa responsável por um esquema de pirâmide que vitimou um milhão de pessoas em todo o mundo e arrecadou 3 bilhões de dólares (mais de R$ 16 bilhões na cotação atual). No Acre, a empresa enganou milhares de pessoas que perderam suas economias e que, durante muito tempo, acreditaram nas mentiras da empresa e seus advogados e ainda esperam recuperar o dinheiro.

A decisão dada em sessão virtual terminou na última segunda, 21, e tem relação com um dos processos ao qual Wanzeler, considerado a ‘face pública’ da TelexFree, responde nos EUA por suposta prática dos crimes de conspiração, fraude eletrônica e lavagem de dinheiro.