Coluna Acre em Foco

Arrancada na produção

Depois do acordo que firmou com o Incra na semana passada, o governo Tião Viana vai dar uma arrancada ainda maior na produção agrícola do Acre prestando mais assistência técnica para os milhares de pequenos agricultores e até os índios produtores do estado.

Reestruturação da Emater

A arrancada vai se dar pela reestruturação de extensionistas e equipamentos que Tião Viana vem promovendo na Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-Acre) para ampliar ainda mais a produção rural em todos os municípios acreanos.

Agricultores e índios

Esse gigantesco trabalho, que vai atender inicialmente mais de sete mil pequenos produtores e dois mil índios agricultores, irá ampliar a produção rural através da integração das atividades da pecuária, da lavoura e da floresta, num sistema novo de produção agrícola que vem dando certo em todo o mundo.

Idésio Franke

A nova revolução agrícola do Acre será tocada pelo novo presidente da Emater, o economista Idésio Franke, doutorado em Desenvolvimento Sustentável, que participou de mais um congresso mundial, realizado desta vez em Brasília, sobre o sistema de produção integrada entre os três ambientes rurais, muito presentes no Acre.

Mais vantagens

         Discutido na semana passada em Congresso internacional em Brasília, o sistema ILPF tem se mostrado no mundo muito mais vantajoso para o meio ambiente e a economia do produtor rural do que os plantios convencionais solteiros das diversas culturas agrícolas.

Três modalidades

“No congresso de Brasília, foi possível demonstrar a possibilidade de, através do sistema ILPF, se produzir no Acre alimentos, madeira, fibras e demais produtos agrícolas de modo sustentável, com baixa emissão de carbono, conservação de solos, manutenção da biodiversidade, proteção dos recursos hídricos e alta produtividade”, assinala Idésio Franke.

Comando da Embrapa

Idésio Franke participou do evento na capital federal, coordenado pela Embrapa, que é a responsável pelos experimentos no Brasil do sistema que integra com sucesso no mundo as atividades de lavoura, de pecuária e de floresta, três atividades muito presentes no Acre.

Polícia Civil

         O Portal G1, da Globo.com, destacou ontem a operação da Polícia Civil do Acre que prendeu cinco pessoas por serem suspeitas de praticar o tráfico de drogas, a receptação de roubos, o porte ilegal de arma de fogo e outros crimes assinalados pelos policiais.

Buscas e apreensões

Segundo a notícia destacada pelo portal do G1, os policiais cumpriram o total de nove mandados de buscas, de apreensões e de prisões. Em Rio Branco, a operação focou mais na 5ª regional, parte alta da cidade, e abrangeu cerca de cinco bairros.

Operação permanente

“Entre os suspeitos há estupradores, homicidas, pessoas que cometeram crimes contra o patrimônio e também indiciados por tráfico de drogas. Ressaltamos que essa é uma operação permanente”, destacou ao portal o delegado Alcino Loureiro.

Turismo do Peru

O site www.mercadoeeventos.com.br destacou que o Promperú, órgão oficial de Turismo do Peru, promoverá o Seminário Destino Peru, voltado para profissionais de agências de viagens e operadoras de turismo dos Estados do Acre e de Rondônia. Destinado a incentivar o turismo de fronteira, o evento ocorrerá amanhã em Rio Branco.