Coluna Acre em Foco

Destaques do Acre

O Acre foi destaque em três matérias do Portal G1, da Globo.com, sendo uma sobre a área de Segurança, outra na área da Educação e uma terceira na área do Meio Ambiente, envolvendo desmatamentos ilegais no meio rural do estado.

 

Taxa de latrocínios

Na área da Segurança Pública, a matéria assinala que, segundo levantamento do portal, o Estado apresentou a mais elevada taxa de latrocínios (roubo seguido de morte) no decorrer do ano de 2014, com 2,4 latrocínios para cada 100 mil habitantes.

 

Combate ao crime

Por outro lado, a matéria mostra a elevada eficiência do Estado no combate aos latrocínios, pois é um dos poucos que esclarecem todos esses crimes, tendo apresentado redução de 64% dos casos nos primeiros seis meses deste ano (quatro casos) em relação ao mesmo período do ano passado (11 casos).

 

Acusados presos

“Nenhum crime de latrocínio está por elucidar ainda no Acre, todos estão resolvidos e com os seus acusados devidamente presos. Duvido que em algum outro estado tenha essa resposta”, declarou ao Portal G1 o secretário de segurança Pública, Emylson Farias.

 

Caminho longo

O secretário também destacou o cuidado e a atenção do Estado com os latrocínios, que geram repercussão e clamor social. “Ainda precisamos melhorar, avançar e sabemos que o caminho é muito longo. Mas, a tática é apostar cada vez mais na repressão e prevenção desses crimes”, assinalou Farias.

 

Pontos cortados

Na área da Educação, o Portal G1 anunciou a decisão do secretário de Educação, Marco Brandão, de cortar, a partir desta segunda-feira, os pontos dos servidores da Educação que faltarem ao trabalho por conta da greve que já dura mais de um mês no estado.

 

Movimento radicalizado

Segundo Marco Brandão, a medida foi tomada com base na lei, tendo sido motivada porque o movimento “radicalizou”. Alegando que 85% das escolas do Estado já voltaram a funcionar, Brandão diz que a greve pode trazer muitos problemas, principalmente para os alunos que vão fazer o Enem.

 

Desmates ilegais

Na área ambiental, o Portal G1 informa que o Ibama aplicou R$ 1,4 milhão em multas por desmatamentos ilegais no Acre, na primeira semana da Operação Cunha Gomes, que teve início no dia 13 de julho e está sendo realizada em conjunto com a Operação Florestas Viva, do Imac e da Companhia Ambiental.

 

Proteção ao emprego

Dirigentes de centrais sindicais começaram a se articular para evitar alterações no Programa de Proteção ao Emprego (PPE) por parte dos parlamentares, que já apresentaram 175 emendas parlamentares, propondo mudanças à medida provisória (MP 680/15) que trata do assunto.

Jornada menor

O PPE permite a redução temporária da jornada de trabalho e de salário em até 30%. Os sindicatos reconhecem que o programa é uma medida paliativa, mas, assim como a indústria, consideram o programa necessário para estancar o aumento de demissões que vem sendo registrado no país.

 

Reunião com Dilma

O governador Tião Viana foi um dos primeiros a confirmar presença na reunião que a presidente Dilma Rousseff fará nesta quinta-feira com todos os governadores para fechar com eles um pacto de governabilidade para combater a crise econômica e financeira do país, que também Estados e municípios.