Gleisi sobre Ciro: ‘Não passa no PT nem com reza brava’

presidente do PT, Gleisi Hoffmann, reagiu à declaração feita pelo ex-governador Jaques Wagner, na terça-feira (1º), sobre a hipótese de o partido se aliar a Ciro Gomes (PDT) caso o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva seja impedido de concorrer ao Palácio do Planalto.

REUTERS/Leonardo Benassatto
“Mas ele não sabe que o Ciro não passa no PT nem com reza brava?”, questionou a senadora, conforme apurado pela jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

Proposta de Wagner

Jaques Wagner cogitou a hipótese de o PT não ser cabeça de chapa nas eleições presidenciais e ocupar a vice se Lula for impedido de concorrer. O ex-governador se disse à vontade para discutir a hipótese de se aliar a Ciro Gomes, por ter sido entusiasta de uma aliança quando Eduardo Campos estava vivo.