Governador vai para o PSDB e embaralha a disputa eleitoral


publicidade

O governador Gladson Cameli confirmou que foi convidado pelos governadores do PSDB e que vai se filiar ao partido nos próximos dias. “Estou indo de mala e cuia”, disse categórico o governador.

Gladson Cameli reuniu-se com o governador João Dória, o deputado Bruno Araújo, presidente do partido e ainda teve o aval dos governadores Reinaldo Azambuja (MS) e Eduardo Leite (RS). Sua entrada no PSDB é ainda avalizada pelos líderes do partido na Câmara, Carlos Sampaio, e no Senado, Roberto Rocha e pelo prefeito Brno Covas, de São Paulo.

O governador disse que ao chegar em Rio Branco vai conversar com a executiva. “Meu objetivo não é espatifar nada. Ao contrário. É ajudar”, disse.

O vice-governador Major Richa divulgou em suas redes socais mensagem em que dá as boas vindas a Gladson no ninho tucano. Diz o vice-governador: “Embora no Partido Social Liberal (PSL), dou boas vindas ao governador Gladson Cameli ao Partido da Social Democracia do Brasil (PSDB). Esse convite já tinha sido feito por mim esse ano e que hoje foi confirmado.

Que os filiados do partido o receba com o mesmo carinho com que eu fui recebido e que possam trabalhar juntos para melhoria do nosso estado.

Desejo sucesso ao governador Gladson Cameli e que novas páginas de sucesso possam ser escritas no governo e no partido.

O meio político acreano ainda busca entender essa nova situação e as especulações são grandes sobre os rumos da sucessão municipal e as coligações para 2022.