Governo e Caixa Econômica realizam visita técnica às obras do Igarapé Fundo

A fim de garantir a execução dos serviços públicos, o governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano (Seinfra), realizou nesta quinta-feira, 8, mais uma visita técnica às obras do Igarapé Fundo, nas imediações do bairro Nova Estação, em Rio Branco. A visita foi acompanhada por uma fiscal da Caixa Econômica Federal, instituição financiadora do projeto.

Segundo o titular da Seinfra, Ítalo Medeiros, as obras foram iniciadas ainda em 2008 e, pelos mais diversos fatores, não foram finalizadas no tempo previsto. Logo que iniciada a gestão do governador Gladson Cameli, os trabalhos foram retomados e se tornou prioridade garantir a continuidade dos serviços para entregar o espaço e resolver os problemas dos moradores daquela região.

“Nesta visita técnica, trouxemos nossa equipe de profissionais da Infraestrutura, a empresa que presta o serviço e também a fiscal do banco financiador. É um passo importante para agilizar os processos internos, o fluxo de pagamento e dar a funcionalidade que a obra precisa para terminar”, disse Medeiros.

O curso de água do Igarapé Fundo corta os bairros Manoel Julião, Nova Estação e Vila Ivonete, correspondendo a uma extensão de aproximadamente sete quilômetros. Ao longo do canal, estão sendo construídos parques, calçadas, quiosques, pista para corrida, ciclovias e áreas gramadas. Moradores e transeuntes em geral estão sendo beneficiados com a coleta de esgoto sanitário, drenagem de águas fluviais e urbanização de grotas de fundos de igarapés.

“Sou morador do bairro Nova Estação há quase 30 anos e há muito tempo sofríamos com o esgoto, que alagava nossas residências sempre que chovia. Graças a Deus estão terminando e pelo menos aqui em casa já não tenho mais problemas, construíram até um muro de contenção para manter minha moradia segura. É uma benção ver que não esqueceram de nós e estão trabalhando para terminar o serviço que deixaram por fazer”, relatou José Carlos Araújo.