Governo prepara Plano Anual de Auditoria para modernizar Controladoria do Estado

Controlador geral do Estado, Luiz Soares  apresentou Plano de Auditoria para o governador Gladson Cameli Foto: Diego Gurgel/Secom.

O governador Gladson Cameli conheceu na manhã desta terça-feira, 17, os detalhes do Plano Anual de Auditoria 2020-2021, que tem como principal objetivo modernizar o trabalho desenvolvido pela Controladoria Geral do Estado (CGE) na gestão dos gastos da máquina pública.

A CGE é responsável por auditar todos os 81 órgãos e entidades do governo do Estado que, juntos, geram um orçamento superior a R$ 6 bilhões. Ao apresentar o Plano de Auditoria para o governador, o controlador geral do Estado, Luiz Soares, destacou que esse projeto obrigatório não era apresentado para o Tribunal de Contas do Estado (TCE) desde 2015, mas que agora estava sendo retomado na atual gestão, baseado na aplicação de uma matriz de riscos, aplicada à estrutura administrativa do Poder Executivo estadual.

O Plano faz parte das ações determinadas pelo governador Gladson Cameli de modernizar a Controladoria do Estado, que hoje também conta com a aquisição de novos equipamentos e contratação de um corpo técnico qualificado entre seus auditores.

“A CGE é um organismo que faz o acompanhamento dos limites legais e constitucionais de aplicação de recursos sob a responsabilidade dos órgãos e entidades do Estado. Ter essa estrutura fortalecida e organizada é essencial para darmos transparência aos atos e evitar qualquer problema na gestão”, destacou Gladson Cameli.

A principal diretriz do Plano é implementar a priorização dos órgãos a serem auditados pela CGE.

“A vantagem desse Plano que estamos apresentando é que essa é uma técnica reconhecida por todos os órgãos de controle do país e até alguns internacionais, dando maior agilidade e respaldo jurídico à nossa CGE”, conta Luiz Soares.

O Plano Anual de Auditoria deve ser apresentado ao TCE já em dezembro.