Infarto fulminante mata prefeito de Rodrigues Alves

O prefeito de Rodrigues Alves, Sebastião Correia (MDB), 70 anos, morreu nesta segunda-feira, 27, no Hospital do Juruá, em Cruzeiro do Sul, vítima de infarto fulminante. Pela manhã ele havia participado da inauguração de uma unidade de saúde na Vila Pucallpa, como parte da comemoração dos 28 anos de emancipação política de Rodrigues Alves. Passou mal em sua casa, após a solenidade, foi encaminhado para o hospital em Cruzeiro do Sul, mas não resistiu.

Ele já havia sentido dores e mostrado desconforto no domingo, mas manteve a agenda nesta segunda-feira, para a inauguração de obras pelo aniversário da cidade, quando aconteceu o infarto extenso.

O corpo de Sebastião será velado no Parque Municipal de Rodrigues Alves. A família ainda não divulgou se o corpo será sepultado em Rodrigues Alves ou Cruzeiro do Sul.

Empresário da região, Sebastião venceu as eleições de 2016 com 58,78% (5.007 votos). Com sua morte, quem deverá assumir o cargo será Jailson Amorim (PSD). Em março deste ano, o prefeito foi um dos quatro do Acre reconhecidos pela gestão fiscal nota dez, pelo Serviço Auxiliar de Informações para Transferências Voluntárias do CAUC do Tesouro Nacional.