Ipem destrói objetos irregulares apreendidos em fiscalizações

DSC_8254-580x384

Regido pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), o Instituto de Pesos e Medidas do Acre (Ipem) destruiu na manhã desta quarta-feira, 10, produtos irregulares apreendidos em fiscalizações entre os anos de 2012 e 2014. Ao todo, 2.877 objetos, entre brinquedos, materiais elétricos, eletrodomésticos e itens de segurança foram descartados na operação.

Os produtos foram apreendidos no comércio acreano e tirados de circulação por não atenderam as normas da legislação brasileira e oferecerem riscos à saúde dos consumidores. Os estabelecimentos que comercializavam os itens irregulares responderam a processo administrativo e foram autuados, como determina a lei.

O diretor-presidente do Ipem, Felismar Mesquita, explica a importância da ação: “Todos os processos administrativos foram devidamente instaurados, e agora terminam com a destruição desses objetos, que estão fora da conformidade da legislação nacional e poderiam causar acidentes domésticos, principalmente com crianças, que poderiam ingerir partes dos brinquedos irregulares”, destacou.

Os destroços foram encaminhados à Unidade de Tratamento de Resíduos Sólidos de Rio Branco, para que sejam descartados.