Jenilson Leite se ausentará da Aleac para atuar no PS


publicidade

Durante sessão virtual desta terça-feira (09), o deputado Jenilson Leite (PSB) informou que vai se ausentar das sessões ordinárias até o final do mês, para se dedicar no atendimento de pessoas infectadas pelo coronavírus. O parlamentar vai atuar no Pronto Socorro da capital e também em Tarauacá.

Diante do avanço do número de infectados pela Covid-19, o deputado Jenilson Leite, que é médico infectologista, decidiu se dedicar no atendimento de doentes durante o restante do mês de junho. O parlamentar lamentou a perda de colegas da área da Saúde que foram vítimas da doença.

“Estou profundamente preocupado com o avanço dos números de infectados pela Covid-19 em nosso Estado. Tenho colegas da Saúde que estão internados, alguns em estado grave e, inclusive, casos de óbitos. A população precisa, nesse momento, de apoio nessa área, por isso irei me ausentar das sessões até o final de junho, para dar minha contribuição cumprindo meu juramento como médico”, disse.

O parlamentar relatou que recebeu a informação de que o Hospital de Cruzeiro do Sul já está com déficit de intensivistas e que alguns médicos têm que acompanhar simultaneamente 15 pacientes entubados. Disse ainda que esse é o momento de união de todos para que vidas sejam salvas.

Durante a sessão, Jenilson também oficializou verbalmente um pedido para que o presidente do Poder Legislativo, deputado Nicolau Júnior (PP), reúna a Comissão de Ética da Aleac para avaliar a conduta do líder do governo na Casa, Gehlen Diniz (PP), que de acordo com ele, atinge a honra de parlamentares com ataques de cunho pessoal.