Jovem é executado com tiro de misericórdia na cabeça

Antônio Carlos Batista “Malvadeza”

Uma execução típica de grupos de extermínio foi registrada na noite de sexta-feira (8) na Travessa São Luiz, Regional do Santa Maria, ao longo da Rodovia AC-40, sentido Senador Guiomard.

No local, dois homens desconhecidos que estavam em um Fiat Uno de cor preta, usaram pistolas balear o jovem Anderson Carneiro (21) que ainda tentou escapar ao entrar numa residência. Um dos acusados invadiu o imóvel e com uma escopeta calibre 12 o executou com um tiro de misericórdia que estourou a cabeça da vítima. Uma criança teria sido ferida sem gravidade por estilhaços.

Anderson Carneiro ainda tentou fugir.

EXECUÇÃO

Investigadores da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) que estiveram no local da ocorrência não informaram se a vítima tinha ou não envolvimento com o submundo do crime. O cadáver de Andanson Carneiro passou pelo IML e foi sepultado no final da tarde ontem.

Era início da noite de sexta-feira quando o rapaz se deslocava para a casa de um amigo no Ramal Santa Maria.  Ao entrar na Travessa São Luiz foi surpreendido por dois homens em Um Fiat Uno preto armados de pistolas que saíran di carro disparando em sua direçäo.

Mesmo baleado Anserson conseguiu correr e tentar buscar ajuda em uma casa, sendo seguido por um dos acusados que portava uma escopeta calibre 12 de uso das forças de segurança e o executou friamente com um balaço na cabeça. Uma criança teria sido atingida por estilhaços. Nada de grave, prova disso é que não chegou a ser medicada.

Uma equipe do Samu esteve no local da ocorrência onde apenas confirmou o óbito, sendo o cadáver removido para o IML. “Foi uma cena muito violenta. O homem estava caído já baleado quando o outro chegou e friamente o executou com um tiro de escopeta à queima roupa na cabeça. Terrível!”, comentou uma testemunha.