Latam retoma rota Rio Branco-São Paulo e Azul anuncia volta, mas Cruzeiro do Sul fica de fora

A Latam e a Azul vão a retomar os voos para o Acre, mas devem se concentrar na capital, sem acatar ordens judiciais de fazer a rota para Cruzeiro do Sul. Desde março a Gol suspendeu a linha para Cruzeiro do Sul e contesta a multa diária de R$ 300 mil determinada pela justiça acreana, deixando aquele município sem voos regulares. Azul acabou de criar uma companhia para voos regionais que no futuro poderá incluir essa rota, mas não há nada definido.

Com a falta de voos, a maioria das empresas de turismo no Juruá, já impactada pela crise com o COVID, deve fechar as portas. Pesquisa do PNAD mostra que apenas cerca de 20% dos acreanos empreendia viagens e esse número deve sofrer ainda mais restrições com a falta de opções de voos e com os efeitos da pandemia.

A Latam já começa seus voos a partir do dia 15, sábado. A rota será sem escalas de Rio Branco para São Paulo (Guarulhos). A companhia suspendeu as operações desta rota no final de março por causa da pandemia do coronavírus. A Azul parou de voar para o Acre em 2016, alegando ter sido afetada pela crise econômica. No site da empresa ainda não há venda de passagem para Rio Branco.