Mais oito mortes por covid-19 e 333 contaminados

Mais oito mortes por causa da covid-19 e 333 novos casos nas últimas 24 horas, o estado já contabiliza 378 óbitos e 14.048 infectados. Cinco mortes em Rio Branco, enquanto Cruzeiro do Sul, Tarauacá e Porto Acre registraram uma morte. Sendo seis vítimas do sexo masculino e duas do feminino, com idades entre 33 e 90 anos, conforme o boletim epidemiológico do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS). A primeira morte foi de um homem de 33 anos, que veio a óbito no dia de anteontem (dia 1º), no Instituto de Traumatologia e Ortopedia do Acre (INTO-AC), a segunda de um homem de 41 anos, que faleceu na mesma ocasião, na mesma unidade de saúde, o terceiro tinha 58 anos, mas faleceu na mesma ocasião, no Hospital Santa Juliana.

A quarta vítima era um aposentado de Porto Acre que tinha 64 anos, que morreu na última quarta-feira no INTO-AC, a quinta era um aposentado de 70 anos, que faleceu na mesma ocasião, no Hospital Santa Juliana, a sexta era um morador de Tarauacá que tinha 90 anos, mas que faleceu no último dia 27 de junho, no Hospital Regional do Juruá em Cruzeiro do Sul, o resultado do exame sorológico saiu agora. Uma mulher de 40 anos, que morreu na última quarta-feira (dia 1º) no Instituto de Traumatologia e Ortopedia do Acre (INTO-AC), enquanto a segunda vítima era uma aposentada de 88 anos, que morreu no dia de ontem no Hospital Regional do Juruá, em Cruzeiro do Sul.

O policial militar Francisco Ribeiro dos Santos, que trabalhava como segurança da prefeitura de Rio Branco faleceu na noite da quarta-feira (dia 1). Ribeiro foi o terceiro militar da ativa a morrer vítima da covid-19, o primeiro da caserna foi o tenente Francisco Olímpio de Lima ( Tenente Lima), o segundo foi sargento Michel Monteiro, que também teve complicações clínicas após contrair o coronavírus. A prefeita Socorro Neri emitiu uma nota de pesar lamentando a morte do policial. “Em nome da prefeita Socorro Neri prestamos os mais sinceros sentimentos de pesar e solidariedade aos familiares e amigos”, destacava.

A Secretaria Estadual de Saúde do Acre (Sesacre) recebeu uma encomenda de 50 ventiladores pulmonares. A compra foi realizada em parceria com as Nações Unidas por meio do UNOPS, Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Governo do Estado. Os equipamentos, segundo a assessoria, serão utilizados por pacientes em estado que precisam de entubação. Os novos ventiladores serão distribuídos da seguinte maneira: 15 ventiladores pulmonares para o Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb), mais 15 ao Instituto Nacional De Traumatologia e Ortopedia (INTO-AC), 15 para o Hospital Regional do Juruá e cinco para o Hospital Geral de Brasileia.