Nível do Rio Juruá se mantém estável em Cruzeiro do Sul

Após vazante de dez centímetros, o nível do Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, se manteve estável nas últimas 24 horas, registrando na manhã desta terça-feira, 7, a cota de 13,68 metros.

rio-juruá-medição-300x300

Como algumas pessoas ainda não haviam retornado às suas residências, em decorrência da primeira enchente, ocorrida em fevereiro, ao todo 68 famílias cruzeirenses se encontram fora de suas casas.

Do total, 30 famílias fazem uso do benefício do aluguel social, outras dez estão hospedadas na casa de parentes e 28 foram acomodadas em abrigos públicos, instalados pela Prefeitura de Cruzeiro do Sul.

Já são nove bairros atingidos pelas águas: Várzea, Miritizal, Boca do Moa, Manoel Terças, Cruzeirinho, Olivença, Lagoa, Beira Rio e Saboeiro.

O governo do Estado, por meio da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, e Prefeitura de Cruzeiro do Sul seguem monitorando a situação e prestando socorro às vítimas da alagação do Rio Juruá.

Rio Acre

Na capital a situação se mantém controlada. O Rio Acre segue reduzindo o nível de suas águas e registra nesta manhã a cota de 10,26 metros – 50 centímetros a menos que no dia anterior.

A cota de alerta em Rio Branco é de 13,50 metros, enquanto a de transbordamento é de 14 metros.

Segundo previsão do Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam), o dia será abafado, o que deixa as nuvens mais carregadas, ocasionando em céu encoberto e pancadas de chuvas.