Operação Tetra: Polícia Federal cumpriu nove mandados de busca e apreensão em Cruzeiro do Sul

Drogas e dinheiro foram apreendidos durante a operação

A Polícia Federal deflagrou a Operação Tetra na primeira hora desta sexta-feira (28/05/2020), com o cumprimento nove mandados de busca em apreensão em Cruzeiro do Sul/AC. A operação é um desdobramento de investigações iniciadas ainda no ano passado. Os mandados de hoje foram cumpridos a fim de encontrar indícios da participação dos envolvidos nas condutas descritas nos Arts. 33 e 35 da Lei 11.343/06 (tráfico de drogas), com o apoio da Polícia Civil de Cruzeiro do Sul.

No cumprimento das buscas houve a apreensão de aproximadamente R$ 30.000,00 (trinta mil reais), na residência de um dos alvos e foi realizado uma prisão em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

Um dos locais em que foi cumprido mandado de busca e apreensão foi a casa da esposa de um dos principais alvos da operação, membro proeminente de uma facção criminosa que atua no estado do Acre.

Ele foi preso anteontem (27/05/2020) em um hotel no Peru em operação da Polícia Nacional Peruana. No mesmo hotel foi preso outro brasileiro, considerado a principal cabeça da organização criminosa na região de Pucallpa, foragido da justiça desde janeiro de 2019, quando fugiu da Unidade Prisional Manoel Nery.

Dentro do contexto desta investigação, a Polícia Federal já realizou outras ações. Em outubro de 2019, no cumprimento de mandados judiciais, foram apreendidos uma espingarda calibre 12 com munições, bem como de celulares na casa de um dos suspeitos; em outro endereço foram apreendidos celulares e comprovantes de pagamentos, relacionados ao tráfico de drogas.

Ainda naquele mês, foi presa uma jovem transportando dois quilos de pasta base de cocaína para a cidade de Tarauacá/AC, com passagens, alimentação e acomodação pagas por um dos membros do grupo criminoso em Cruzeiro do Sul.

A operação de hoje marca o começo da intensificação do combate ao tráfico de drogas na região do Vale do Juruá, que serão realizadas nas próximas semanas.

Importante registrar que os mandados foram cumpridos em total observância as orientações da ANVISA, sobre o uso de equipamentos de proteção individual, para resguardar a saúde dos policiais e dos investigados.