Oswaldo se diz feliz no Verdão, mas desejo de voltar ao Fla


publicidade

Apesar dos resultados ruins do início do Brasileiro, Oswaldo de Oliveira garante estar feliz no Palmeiras. Mas, ao saber de um possível interesse do Flamengo após a saída de Vanderlei Luxemburgo, o treinador afirmou que se sentiria honrado. Rubro-negro na infância, Oswaldo disse que deseja voltar ao clube carioca em um futuro próximo. Mas não agora.

– Quando era criança era flamenguista, muito assíduo no Maracanã. Se houver um fundo de verdade nisso, fico muito feliz. Um dia eu quero voltar ao Flamengo. Um dia, depois dessa passagem no Palmeiras e de outras passagens. Tive uma lá que não gostei. Foi a única vez que eu me demiti de um clube porque não gostei do que se passava lá. Hoje vejo um trabalho semelhante ao do Palmeiras de saúde financeira – afirmou.

O treinador afirmou que negaria uma proposta carioca, caso se confirmasse.

– É normal, acontece sempre. Há pouco tempo o Vanderlei estava indo para o São Paulo. No ano passado, eu estava no Santos quando saiu o Ney Franco e o Flamengo me procurou. Eu disse o que eu diria agora. Não faria com o Santos naquela época o que eu não faria com o Flamengo. Não faria com o Palmeiras o que não faria com o Flamengo. Estou amando meu trabalho no Palmeiras. Estou gostando muito de tudo o que temos conseguido fazer.

Oswaldo afirmou que as especulações após a saída de Vanderlei do Flamengo são normais. Até mesmo os boatos de que o treinador chegaria para o seu lugar no Palmeiras.

– É natural que haja manifestação e que se fale o nome dele aqui. O Vanderlei é um treinador vitorioso no Palmeiras. Não vejo nenhum problema. Isso depende mais de quem decide. Estou tranquilo fazendo meu trabalho porque nada me foi relatado.

Luxemburgo foi demitido do Flamengo na noite de segunda-feira, após 10 meses no comando do Rubro-Negro. O Flamengo ainda não anunciou o substituto de Luxa, cuja multa rescisória gira em torno de R$ 400 mil – seu contrato com o Rubro-Negro tinha validade até dezembro. O auxiliar permanente do clube, Jayme de Almeida, comanda o treino da tarde desta terça-feira, às 16h. Cristóvão Borges, ex-Fluminense, é uma das principais opções da direção.