Peru se despede da Copa do Mundo com o brilho de um time ‘Guerrero’

Peru se despediu da Copa do Mundo da Rússia com uma vitória por 2 a 0 sobre a Austrália, no encerramento do Grupo C.

REUTERS

Após sofrer duas derrotas, para França e Dinamarca, a seleção sul-americana conseguiu fazer uma excelente exibição contra os australianos. O resultado foi embalado pela festa da torcida “inca” nas arquibancadas do estádio de Fisht, em Sochi.

Os dois gols do Peru tiveram grande contribuição de Paolo Guerrero, que viveu um drama antes do Mundial, sem saber se jogaria ou não por conta da suspensão por doping. No primeiro, o camisa 9 recebeu uma bola pelo lado esquerdo do campo, limpou o marcador e cruzou na área, na medida para Carrillo, que acertou um chutaço cruzado, sem chances para o goleiro rival.

O segundo tempo foi marcado pelo próprio Guerrero. Cueva e Trauco tabelaram, o camisa 8 invadiu a área, corta para o meio e deu um passe mascado para a bola sobrar em Guerrero. O maior artilheiro da história do Peru girou bonito e mandou para fundo do gol.

Na comemoração, Guerrero se emocionou e deixou a torcida em polvorosa.

A seleção peruana terminou a Copa com a terceira colocação do Grupo C, enquanto a Austrália ficou em último. A França avançou em primeiro, e a Dinamarca passou em segundo.