Polícia Civil cumpre 18 mandados de prisão e busca e apreensão contra organizações criminosas

Polícia civil desarticula membros de facções que davam ordens dentro do presídio de Rio Branco para o cometimento de crimes, como roubos, extorsões e até homicídios.

Durante a manhã dessa quarta-feira (24) foram cumpridos 12 mandados de prisão, na qual 9 alvos já estavam em celas do presídio Francisco de Oliveira Conde.

De acordo com o chefe de polícia civil, delegado Henrique Maciel, todos são lideranças de uma facção responsável por vários crimes na cidade. Os 9 mandatos cumpridos no presídio são de conselheiros e lideranças da facção que conseguiam passar as ordens dos crimes mesmo estando confinado numa cela. Outras 3 prisões ocorreram na periferia da cidade e no município de Senador Guiomard, e também, eram de pessoas com altos cargos dentro da organização criminosa.

Segundo o departamento especializado de investigações criminais – DEIC, as investigações sobre o grupo vêm desde o final de 2019, por isso foi preparado um plano estratégico para chegar aos envolvidos.

Foram cumpridos ainda, 06 mandados de busca e apreensão onde foram encontradas drogas e armas. “Essas prisões fazem parte de um plano maior de combate as organizações criminosas. “Só esse ano foram cumpridos mais de 200 mandados de prisões contra essas pessoas responsáveis pelo aumento da violência. Estamos acompanhando e monitorando esses grupos, e, mais gente, com certeza, vai presa”, garantiu Maciel.