Prefeito autoriza 13º para vereadores mas recusa benefício

O Diário Oficial do Estado publicou na edição do último dia 17, Projeto do Legislativo de Senador Guiomard, aprovado em plenário, que  garante o 13º salário para os onze vereadores da cidade.
André Maia, prefeito de Senador Guiomard (Foto: Reprodução)
O texto foi sancionado pelo prefeito André Maia (PSD), que decidiu não estender o benefício para ele nem para o vice.
A decisão do gestor pegou de surpresa os vereadores, inclusive  da sua base, que votaram favorável a matéria. Maia justificou a supressão do benefício alegando que a crise financeira no país não deve ser levada em conta e por isso decidiu por rejeitar o salário extra.
¨Apesar de ser um direito lícito, decidimos cortar na própria carne. O país vive um momento de instabilidade financeira e nós entendemos que este gasto, neste momento, seria desnecessário¨, comentou o prefeito.
Na época da votação do projeto, em dezembro do ano passado, apenas dois, dos onze vereadores foram contrários ao pagamento do benefício. Um deles, o vereador Magildo Lima (PP), disse que não vai ficar com o benefício.
Lima prometeu em plenário, que irá destinar o valor para uma entidade filantrópica de Senador Guiomard.